21 de outubro de 2012

T-ara comenta pela primeira vez em especial da Mnet sobre a saída de Hwayoung





A Mnet exibiu um documentário especial intitulado "Confissão de T-ara", marcando a primeira vez em que o grupo discutiu a polêmica demissão da integrante Hwayoung.

O programa especial foi ao ar no dia 20 de outubro, mostrando imagens do grupo para a Malásia em um concerto. Posteriormente, porém, as meninas falaram sobre como se sentiram sobre Hwayoung ser expulsa do grupo.

"Lamentamos muito aos nossos fãs por um monte de coisas. Sentimos que sempre trazemos preocupações aos nossos fãs da Coréia e exterior", começou Soyeon. 

"Estamos muito gratas, tocadas e fortalecidas pelas mensagens que nos dizem para se alegrar e sermos  fortes, mas sentimos que só temos feito coisas para fazerem eles nos darem força o tempo todo, por isso pedimos desculpas. Sempre que conhecemos nossos fãs, devemos pagar de volta o amor que nos dão, mas em vez disso parece que deixamos de ganhar apoio, por isso estamos sempre tristes e agradecidas ", Hyomin e Soyeon continuaram.

Hyomin em seguida, começou a compartilhar seus pensamentos, terminando com lágrimas ao compartilhar seus sentimentos sobre um assunto tão doloroso. "Houve um mal-entendido e havia coisas que aconteceram ... Estamos ... não é assim ... Nós terminamos apenas empurrando com as promoções nos palcos...  Tem sido um tempo difícil pensar para mim mesma: 'Vai ficar melhor, se continuarmos desse jeito ", porque cada vez que estamos no palco e  nos juntamos todos os dias, pensamos sobre o que aconteceu e não podemos deixar de lembrar de tudo", disse ela com remorso.

O resto das integrantes derramaram lágrimas ao compartilharem suas histórias, embora tentaram aliviar o clima depois, conversando entre si, em vez de diretamente para a câmera para criar um ambiente mais descontraído, em vez de um confessionário.

O programa completo pode ser visto no canal oficial da Core Content Media  no Youtube.



Fonte: JpopAsia

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.